Nome da Escritora: Eloisa Menezes Pereira

Indiferença

Olhares alienados
Na solidão da vaidade
Impulsionam fascinados
O brasão da falsidade
O poder celebra a ignorância
Resgatando a História
Cultiva a intolerância
Justificando sua vitória
Seres falidos
Manipulados pela autoridade
Revezam–se contidos
Na construção da fatalidade.
A indiferença subjuga a coerência
Predominando à realidade
Germinam a demência
Ocultando a identidade

EMAIL: eloisa.vida@gmail.com

Instantes devaneios...

No infinito silêncio
Lágrima desfila
Esculpindo cansado
A lembrança da solidão
Na melancolia dos olhares
A História do passado
Suspira emoção
Aflorando a criação

Local de Nascimento: Porto Alegre RS

Local onde vive: Porto Alegre RS

Melhor assim...

Em cascata natural
Sei que a dor vai passar
Nos distanciamos do amor
Acordamos no luto

Sofremos na melancolia
È a ilusão do tempo
Esnobando a vida
Imaginamos o diferente
Esculpimos o amanhã.

Professora de Língua Portuguesa, participou de dez antologias poéticas, inclusive nos seguintes estados: RJ, SP e BA. Várias publicações nos jornais Diário Gaúcho e Zero Hora. Jurada do concurso Histórias de Trabalho organizado pela Prefeitura de Porto Alegre. Membro do Conselho do Leitor de Zero Hora, em 2008.

Data de Nascimento: 09/04/1952

Reconstrução

Bolhas de afeto ao vento
Torrentes de emoção
Delírios do coração
Afluem pelo alento...

Lembranças de opções
Ceiam na idade
Avançando com a prosperidade
Compensam as frustrações...

Site/Blog: Somente no Site do Escritor

Segredo da paixão

Como surfista preso num cabo
Uma força poderosa
Motiva a resposta
Liberando as sensações

Extremamente prazerosa
Cresce a paixão
Instalando a dependência
Na construção da convivência

Delegando sutilezas
Adapta-se à emoção
Proporcionando satisfação
Infesta a experiência

Livros publicados: Participação em livros poéticos e nos jornais Zero Hora e Diário Gaúcho.

Volúpios devaneios

Corpos delirantes
Arrepiam-se de desejos
Sonhando com o encontro
Festejam confiantes

Carícias navegam ao prazer
Ancorando no deleite
Respiram cumplicidade
Fantasiando ao fazer...

Formação Acadêmica: Superior Completo

Fantasias do tempo

Indiferente à realidade
Joga desejos
Brinca no sonho
Na magia da idade

Asas da beleza
Alinham os sentimentos
Encobrindo a sutileza
Humanizam os momentos.

Mande AGORA comentários para o autor