Nome do Escritor: Nilson Costa

Minha terra, meu lugar

Ando em toda essa terra
Velejo nesse imenso mar
Entretanto caminhos me levam
Quê no encontro vou desencantar.

Fabulosos contos e vidas
Histórias bonitas esquecidas
Onde a lua traz escondidas
E o sol revela ao brilhar.

Brilho esse esplandecente
Deu ao rio uma nascente
Suplicando humildemente
Quê chega-se até o mar.

No caminho quê me leva
Minha grande e azul esfera
Meu planeta minha terra
Que deus me deu para habitar.

Agradeço alegremente
Meu passado e meu presente
Meu futuro engrandescente
Minha terra meu lugar.

Data de Nascimento: 20/03/1987

Local de Nascimento: Salvador BA

Longe vão meus pensamentos

Passei com o passado
Caminhando com o vento
Tempo passa tempo ruge
Longe vão meus pensamentos.

Longe vão meus pensamentos
Lá no mar ao imaginar
Procurando à procura
Quê procura te encontrar.

Lá no mar ao imaginar
Respiro um ar sem fim
Onde o vento fez a volta
Ao trazer você pra mim.

Formação Acadêmica: Ensino médio

Local onde vive: Salvador BA

Fico sonhando contigo

Eu que andei em muitos lugares
Conheci muitas cidades
Até hoje não encontrei.

Você a estrela da minha vida
Linda feito a bela orquidea
Como o sol e o luar.

Hoje choro pelo mundo
Procurei nos quatros cantos
E não consigo te encontrar.

Fico sonhando contigo
Sei que não está comigo
Mas te vejo em cada olhar.

Guardo seus beijos nas lembranças
Velhos tempos de infância
Decidimos namorar.

Digo com o coração partido
Meu amor está perdido
E só você pra encontrar.

Mas a culpada nessa historia
É você minha linda dama
Que resolveu me abandonar.

Olha se não fizesse isso
Estaria aqui sorrindo
E eu tão contente a te amar.

Autor, de poemas e letras de músicas, nasci em Salvador Bahia! Resido desde criança em Passé, distrito de Candeias. Amo poesias e contos.

EMAIL: Nilson.nc72@gmail.com

Estrelas maravilhosas

Elas brilham para mim
As belas rosas formosas
Me encantam tanto assim.

As estrelas maravilhosas
Me lembram de ti
E o perfume das belas rosas
Me lembram de ti.

O pequeno cardeal
Canta, canta sem cessar
Olhando de sua cadeia
O astro rei reinar.

Esperando a minha
Consciência te libertar
De um crime quê não
Cometeu ele tem que pagar.

Livros publicados:
Não tenho livros publicados, apenas poesias avulsas.

Site/Blog:
Por enquanto, meus textos estão sendo divulgados apenas pelo Site do Escritor.

Dom da sabedoria

Somente o sábio sabe
A magnitude de ter consigo
O dom da sabedoria.

Mande AGORA comentários para o autor