Quem conta um conto... Aumenta um ponto.

MISCELÂNEAS LITERÁRIAS

Improvável imputar no presente ou no futuro os efeitos pela abnegação hedionda dos homens, são uma casta de usurpadores, cariados pelas suas atitudes conservadoras e autoritárias, rasgaram pelo tempo nossa bandeira de liberdade; tão bem servil, hipócritas das escritas, que na rinha de um jornal conivente, cavaram cabeças indecisas que, por falta de cultura ou mesmo pela ausência de discernir entre vida com livre arbítrio ou vida arbitrária, violaram suas famílias, acreditando ou simplesmente aceitando os desmandos da casta de usurpadores.
Que o objetivo de vida, emergido na lucidez, possa ser alcançado com a nova geração, porém, nosso legado hoje, é essa falta de luz, que alguém possa me perdoar por ajudar a prejudicar vosso futuro. (Não quero me tornar um pessimista do futuro, diante desses atos estupidos dos seres, porém, ainda não avistei vestígios de sanidade psíquica).
Cordone - Manaus AM


Porém, não seria a falta de luz que com hipocrisia legamos às gerações que virão, herdadas por nós pelas castas precedentes? Ora, somos nós também parte dessa casta de usurpadores, descendentes de usurpadores. Hipócritas servis que mesmo com o conhecimento e o livre arbítrio perpetuamos hediondamente esse círculo vicioso que lega, assim como recebemos, uma ausência abjeta de luz. Capados, despidos de nossa liberdade seguimos arando um solo árido, crentes que vosso futuro será libertário, pois deitamos à terra o arado e do arado seguimos ao semeio. Pensamentos vãs, pois andamos cabisbaixos a passos bovinos seguindo o àtego do usurpador em seu gibão. Seguimos em revezamento flagelando e sendo flagelados. Não desatamos o lado imaginário que nos mantém em manada a preparar vossa colheita.
Ricardo - Curitiba PR


O futuro é reflexo do passado, que fora sobrecarregado de desenganos e provações. Os ideiais esbarraram no egocentrismo do poder absoluto e jogaram ao vento a expectativa de "dias melhores virão". Não existe uma razão para decretar o fim, pois, tudo , a cada dia se renova, há o recomeço. É o processo natural da vida. Desistir? Jamais! Covardes que se entregam ao dificultoso e intrínsico pensamento de retrocesso. Não abandonem os ideiais, eles são essenciais para a evolução da espécie humana.
Sandra - Cacoal RO


mas caso necessário!!! enxugaremos nossas lágrimas com o pano dos humildes, que rasgado e sujo de sangue, seca o suor das almas fraudulentas e sujas que vivem a rodear como moscas sem apetite. Procurar a saída? as portas se fecham! dando rizada das tentativas cruas e sem prícipio, os guardiões se abraçam e soltam fumaça pelos chifres, nublando o ar!! Egos e enganos, como irmãos se debatem dentro do mesmo útero doente, Só lágrimas virão, elas vão fazer parte do ambiente, vão morar nos livros e igrejas, nas gavetas e nos chapéus de cantores de esquinas, vão acompanhar nossos filhos e morder nossa carne dentro da sepultura de uma vida doída e exagerada.
Robdeorristt - São Paulo SP


Oh, pessimistas! Acaso não nos é dado o poder de mudar o futuro através de nossas experiências aprendidas à duras penas? Useis princípios éticos e a coerência para esquecer a lei de Gérson que tantos danos causaram ao povo brasileiro. Esqueçam o maldito jeitinho brasileiro! Sejam exemplos! Não façam o que todos fazem, façam o que é certo e justo para o seu próximo. Acaso devam, paguem. O mundo é o que encontramos, porém, é nosso dever deixar um legado melhor para os nossos filhos. Lamentações e derrotismos não só servem como engodo e justificativas vãs, como também denotam o nosso conformismo com esse mar de lama que nos assola até a raiz dos nossos cabelos. O futuro é um livro em branco e nós que o escrevemos com as nossas ações. Faça a sua parte e o futuro será mais justo, solidário e fraterno.
A. Squillare - Maricá RJ


Mas o que é justo e certo? Será o que aprendemos com as castas que nos precederam? Seria os princípios éticos atitudes conservadoras e autoritárias? Não, não creio! A ética é essencial! Com ela sim, podemos mudar o mundo e evoluirmos. Com ela o mundo se torna melhor. Lutemos para que o futuro seja mais luminoso. Acendamos nós as luzes da alma de cada ser humano que anda perdido na escuridão como animais impedidos de observar o que está acontecendo ao seu lado.
Maria das Graças Roubaud - Rio de Janeiro RJ


Ah! como é bonito falarmos da ética, dos bons costumes, da justiça, do se colocar no lugar do outro, tudo isso muda de valor ao atingirmos o poder. Sempre foi assim o poder nos corrompe, nos ilude. Por isso a civilização está tão violenta e sem ética, afinal nunca tantos tiveram o poder como temos agora. O poder de comprar, o poder de permanecer calado, mesmo sabendo da verdade, o poder de negar, mesmo quando se tem provas cotundentes. A certeza da impunidade, gera uma certa ideologia: do por que agirmos corretamente? se quem não segue as regras parece se sair melhor de quem obedece? Por isso creio que cada um de nós, cidadãos conscientes, temos o dever de fazermos o nosso papel, ou seja: Fugirmos das armadilhas muito comuns, o nosso jeitinho brasileiro, que creio ser mesclado de injustiça, e de desrespeito ao direito do outro.
Zé Nogueira - Santo André SP


Que mesmo diante de tanta diversidade o ser humano é capaz de traçar caminhos diferentes, encontrando dentro de si uma paz, que pode ser muito contagiosa para o próximo, principalmente quando ele irradia a verdadeira felicidade. Quando encontramos alguém assim devemos carrega-lo no colo, pois neste mundo onde vivemos falta amor, saúde, compreensão; que de mãos dadas com a nobreza de caráter, que nos dias de hoje estão quase que abolidas, poderão trazer um breve momento de felicidade!
Marcia Mendonça - São Gonçalo RJ


Levam contigo a idéia desprovida de moral, que julgam ser o arrebate de ditaduras passadas, deixaram apenas fantoches submissos que nada pensam ou comentam, seguem as linhas ditas que não compreendem, abandonam a criatividade pulsante do libertário, se tornam cúmplices e carcereiros de sua própria prisão que tem como chave a revolta daqueles que querem de volta o que lhe foi roubado.
Cleiton Leal - São Paulo SP


Vejam, por exemplo, o caso do estranho crime que de repente balançou a vida de uma cidade. Todos pensavam que o assassino fosse o vizinho com cara de nazista, mas no desenrolar das investigações a conclusão foi bem outra.
Delvan - Canoas RS