S

A
A L A D E L E I T U R
HOME PAGE
ESCRITORES
PROFESSOR VIRTUAL
TESTES EDUCATIVOS
JOGOS LITERÁRIOS
SOB ENCOMENDA
SALA DE LEITURA
BUSCA LITERÁRIA
SEBO DA CULTURA

SALA DE LEITURA
ARTIGOS AUTO AJUDA CINEMA CONTOS CRÔNICAS ESOTÉRICO EXPRESSÕES
E-ZINE INFANTIL MEDITAÇÃO NOVELA POESIA PROVÉRBIOS TEATRO

Metalinguagem amorosa

Autor: Ariane Melo

Escrevo tanto e sei tão pouco de escrever
que no meu ato primário vezes me esqueço o porquê
Mas é tão linda esta ausência em que o verso me faz viver
que escrevo desesescrevo
a angústia , o amor, o prazer
e só assim me esqueço o quanto me lembro de você.

poesia anterior

Poesia anterior

          

Próxima poesia

próxima poesia