S

A
A L A D E L E I T U R
HOME PAGE
ESCRITORES
PROFESSOR VIRTUAL
TESTES EDUCATIVOS
JOGOS LITERÁRIOS
SOB ENCOMENDA
SALA DE LEITURA
BUSCA LITERÁRIA
SEBO DA CULTURA

SALA DE LEITURA
ARTIGOS AUTO AJUDA CINEMA CONTOS CRÔNICAS ESOTÉRICO EXPRESSÕES
E-ZINE INFANTIL MEDITAÇÃO NOVELA POESIA PROVÉRBIOS TEATRO

O fim / Sonho de amor

Autor: Daniele Belon das Neves

O FIM

Quantos sonhos, quantas poesias,
Quantos meses, quantos dias,
Quantas tristezas e alegrias,
Quanto tempo, quantas heresias!

Tanto desespero, tanta esperança,
Sonhava feliz como uma criança.
Tantos pensamentos, tanta fantasia,
Vendo seu rosto que pra mim sorria...

Mas esperei você tanto, tanto,
Que meu sorriso virou pranto.
Até que, um dia, de sonhar cansei,
Como foi isso nem mesmo eu sei!

O fim acabou de ser início,
Amar você foi como um vício.
Hoje está tudo acabado,
Não quero mais lembrar o passado...

SONHO DE AMOR

O sol, o mar, a areia da praia...
O crepúsculo de um dia de verão...
Lindos raios de luz resplandecem...
Findando um dia de solidão.

O vento sopra chamando pela lua.
O doce convite aceita o luar...
No negro céu, brilham as estrelas
E, como diamantes, refletem no mar...

Na beira da praia está ela
Sentada na areia quente...
Sorri lembrando-se daquele
Que jamais deixou sua mente...

Admira a lua e sente-se feliz
Com a certeza em seu coração,
Ao cair da brisa ele virá,
É só esperar a confirmação!

Surge enfim seu amado,
Sorrindo com olhar brilhante,
Seu corpo é tomado de emoção,
Perpetuando aquele instante...

A lua e o mar espiam
O casal abraçar-se com ardor,
À espera do sol presenciam
O mais belo sonho de amor.

Poesias extraídas do livro "Porto futuro Feliz"

poesia anterior

Poesia anterior

          

Próxima poesia

próxima poesia