Pergunta: O que é estruturação e articulação de texto?

Estruturação

Na mídia impressa de grande circulação do país, são freqüentes artigos de opinião assinados, que versam sobre variados problemas sociais, econômicos e políticos do Brasil e do mundo. São textos essencialmente expressos no modo argumentativo de organização do discurso, que apresentam uma seleção de recursos argumentativos na montagem de sua organização. Dada a importância dos textos da Mídia e de seus diversos gêneros textuais na sociedade atual, torna-se importante analisar como os textos são interpretados por leitores criticamente, uma vez que eles são também co-autores capazes de avaliar as mensagens a eles dirigidas.
O exame da construção do texto como discurso, prioritariamente deve-se levar em conta a identidade dos seres envolvidos na enunciação, sua posição frente ao "contrato comunicativo", que comanda e rege os enunciados, as condições da situação e a cenografia em que se dá o emprego dos elementos lingüísticos. Ou seja, parte-se do princípio de que a comunicação humana, do ponto de vista do sentido, é "resultante" de diversas dimensões do ato comunicativo, englobando o conteúdo semântico, a situação social e a construção de imagens (ethos) dos enunciadores. Foca-se, portanto, a construção do ethos do sujeito enunciador do discurso e seu papel argumentativo sobre os sujeitos destinatário/ interpretante. Busca-se distinguir no conteúdo representativo (dictum) e a atitude (modus) do sujeito falante em relação a esse conteúdo co-construído e co-referenciado.
Parte-se do princípio de que é pela escolha vocabular que o enunciador busca expressar seu ponto de vista em relação ao mundo que o cerca, emitindo juízos de valor. Assim, na cadeia referencial do texto, o objeto vai sendo construído pela seleção lexical, pelas retomadas, por sinonímias e hiperonímias, e por caracterizações de cunho subjetivo, que expressam uma avaliação positiva ou não do objeto construído discursivamente e durante a interação,com a conivência do sujeito interpretante.


Articulação

As relações textuais são responsáveis pela execução do texto, por sua realização no plano da palavra e das idéias.
No processo de articulação do texto, deve estar presente a preocupação com a integração de dois eixos: a estrutura sintática e a estrutura semântica, que darão ao texto a configuração de “um feixe de conexões”. Nele, as partes se integram e formam um todo de significações que se “esclarecem reciprocamente”. [1]
O texto emerge das relações fonológicas (as sonoridades), morfológicas (a exploração de determinadas categorias gramaticais, as aproximações entre diferentes categorias, os tempos e formas verbais que vão tecendo os períodos), sintáticas (a construção dos períodos, as coordenações e subordinações, as inversões), semânticas e pragmáticas (os significados e seus usos), para realizar-se nas duas faces que o caracterizam.

Fonte:
www.filologia.org.br
www.cce.ufsc.br


pergunta anterior

Pergunta anterior

          

Próxima pergunta

próxima pergunta