Pergunta: Como fazer uma redação que satisfaça o professor?

É necessário que se construa um texto no qual as idéias estejam bem organizadas, de acordo com os princípios de coerência e coesão. Deve também apresentar argumentos bem fundamentados e expressar o ponto de vista que está sendo defendido.
É importante adotar uma postura crítica ao apresentar as idéias, mostrar habilidade para selecionar e organizar as informações pertinentes à discussão, assim como manter a boa articulação dos argumentos. O último aspecto a ser considerado é a proposta de intervenção para o problema abordado, que deve estar articulada ao restante do texto.
É essencial ler e escrever bastante em todos os momentos da vida para treinar. Dessa forma, poderá definir o seu estilo e dar mais expressividade ao texto.
Os critérios de avaliação de uma redação são: o texto deve estar adequado ao tema que foi proposto, conhecimento estrutural, capacidade de argumentação e exposição dos pontos de vista, aspectos relacionados à linguagem, gramática, coesão e o equilíbrio da colocação das informações.
O escritor deve estar sempre bem informado sobre as questões de cotidiano. Estar a par dos acontecimentos atuais é essencial, já que os temas costumam girar em torno das questões próprias do dia-a-dia de todos nós.
A redação costuma ter um limite máximo de 60 linhas para construção do texto. Procure não fazer um texto muito longo; o texto mais longo exige uma maior preparação e pode haver dificuldade em terminar a dissertação, mantendo a coerência das idéias do início ao fim. Geralmente nas redações mais longas essa coerência fica mais difícil.
O estudante deve ler com muita atenção os exames anteriores ou outros exemplos de redações. Pode aprender tanto o formato da prova, quanto o tipo de tema que costuma a cair nos exames, ou pelo menos saberá um pouco daquilo que vai encontrar pela frente.
O texto não pode ter sentimento em excesso, mas o relato do fato com opinião. Se esse critério não for seguido o estudante pode perder pontos na redação.
O número de parágrafos não deve passar de cinco, sendo que o primeiro é destinado à introdução, o segundo e o terceiro para o desenvolvimento do texto, onde o estudante argumenta o ponto de vista e por último a conclusão. O texto deve conter entre 25 e 30 linhas atendendo o que a prova está pendido. Além disso, é preciso prestar atenção à margem direita e esquerda.
Em relação ao título da redação, só deve sr colocado quando for solicitado na prova, caso contrário à opção é facultativa.
Ter bastante calma no momento da escrita é outro fator importante. O estudante precisa observar o texto base, que geralmente vem na prova, para poder enxergar o que a redação quer dele.
Antes de qualquer coisa é importante refletir, tentando lembrar se algum fato que ele já leu serve para o texto. O estudante deverá fazer uma espécie de seleção de assuntos que já conhece para que possa fazer uma correlação com o que o tema estabelece.
O estudante pode ter conhecimento do vocabulário e das regras gramaticais e, assim, construir um texto sem erros. Entretanto, se produz sem nenhuma crítica ou reflexão, ou com expressões gastas, vulgarizadas pelo uso contínuo. A boa qualidade do texto fica comprometida.
Evite pensamentos radicais. É recomendável generalizar e evitar, assim, posições extremistas.
Não se esqueça que o ato de escrever é diferente do ato de falar. O texto escrito deve se apresentar desprovido de marcas de oralidade.
Bem, foram aí algumas dicas para escrever uma redação vencedora, mas existem muitas outras características que formam um grande escritor. E cada estudante tem que desenvolver sua própria forma de criar redações vencedoras.


pergunta anterior

Pergunta anterior

          

Próxima pergunta

próxima pergunta