TEMA

Economia compartilhada.

Trata-se de um segmento econômico surgido após a humanidade se dar conta da necessidade de sustentabilidade no manuseio dos recursos disponíveis em nosso planeta. Baseia-se no compartilhamento otimizado de produção, oferta e consumo de bens e serviços. Prega de forma economicamente viável a partilha de bens e recursos antes subutilizados. Neste sentido vemos a locação de cômodos vazios de uma casa, de caronas em viagens de carro, de reutilização de peças e maquinários ociosos.

Esta tendência colaborativa da sociedade atraiu os olhares dos empreendedores mais visionários e o resultado foi a atual ascensão de empresas como o Uber, que utilizam de forma inteligente e rentável as possibilidades abertas por este novo conceito social. Economia, ambiente e sociedade; são os três pilares base de sustentação deste cenário atual desenhado pela carência de recursos naturais, crescente destruição do meio ambiente e a diminuição do cooperativismo espontâneo entre as pessoas.

Todo este movimento só pôde acontecer por conta dos avanços e democratização da tecnologia. A internet, e sobretudo as redes sociais, tem um peso definitivo para o sucesso de todo esse movimento colaborativo que vem tomando vulto e importância para a sobrevivência humana num futuro próximo. Nem sempre temos a presença do lucro financeiro neste modelo econômico, visto que há espaço para os sistemas baseados em partilha de produtos ou serviços sem remuneração monetária, principalmente através de trocas. E somente com o advento das redes sociais é possível realizar este idealismo.

Outra forma de ganhos sem recebimento de dinheiro é o compartilhamento pelas empresas; de escritórios, funcionários, veículos, maquinários, etc. Nem por isso, quem visa o lucro financeiro deve se sentir marginalizado, pois neste novo formato haverá lugar para os mais diversos nichos e exploradores financeiros, desde que respeitando o consumidor, ator que cada vez mais vem se transformando de cliente em ser humano.

Autor: Arnold Gonçalves

QUER COMPRAR LIVROS?Livros Amazon


Redação anterior

Redação anterior

          

Próxima redação

Próxima redação